7 Dicas Financeiras para o seu 13° Salário!!!

Global economy recession

A Localcred, uma empresa que faz Sempre Mais para você, oferece dicas de especialistas para você tirar um bom proveito do seu 13º salário e começar o ano no azul

1) Quite suas dívidas
As dívidas sempre têm um caráter de grande urgência. Por isso, se você tiver algum débito em aberto, esse será o primeiro destino do seu décimo terceiro.
Mesmo que você sacrifique datas comemorativas, como o Natal, deixe as dívidas com juros mais altos como prioridade, cuja velocidade de crescimento do montante é maior, ou aquelas que podem gerar corte de serviços. Assim, em um momento posterior ao pagamento dessas dívidas você se sentirá mais tranqüilo para realizar novas compras e pagamentos.

2) Se a dívida for muito alta, negocie antes de queimar o 13º
Caso a dívida seja muito alta e os juros estiverem elevados, de forma que ela tenha se tornado impagável, além das taxas de juros muito altas, vale à pena renegociar com o banco a redução dessa dívida antes de pagá-la.

3) Faça uma reserva para as despesas do início do ano
Faça uma reserva financeira (como na poupança) para os gastos costumeiros de final e início de ano, como IPVA, IPTU, matrícula, material escolar, etc. Pode soar repetitivo, mas esses gastos chegam e pesam bastante no bolso. Dessa forma, você ficará líquido no começo do ano.

4) Inicie um investimento..
Faça uma poupança para uma reserva de emergência, especialistas recomendam que a conta possua o equivalente a pelo menos seis meses de sua renda e que sirva para cobrir situações extraordinárias, como perda de emprego e problemas de saúde familiar. Você também pode investir em fundos DI, fundos de renda fixa e CDBs sem prazo de carência.

5) Pague a viagem do final de ano
Se as suas despesas de início de ano e os investimentos estão em ordem, você pode utilizar o benefício de forma inteligente para gastos com as viagens de fim de ano. Mas cuidado! Especialistas da área de finanças recomendam cautela com os gastos para viagens, já que depois ficam somente as memórias, e como não é algo mais palpável, continuamos pagando por um momento que já passou o que poderá gerar sentimento de culpa.

6) Combine com a família um Natal alternativo (se possível) e gaste menos
Com a chegada do Natal, o aumento dos preços é certo e sem segredo. O que será proposto parece difícil, mas é possível: Converse com a sua família e entrem em consenso para trocarem presentes mais para frente (Claro, se não houver crianças). As trocas de presentes para janeiro ou fevereiro é um bom negócio, já que o comércio tende a voltar aos seus preços iniciais e você acabará fugindo da vontade de gastar que geralmente acontece nessa época.

7) Consuma com inteligência
Ao usar o benefício para as compras, busque fazê-lo de forma consciente. Ao se planejar com antecedência, por exemplo, é possível usar a criatividade para dar um presente diferente, sem que seja preciso gastar rios de dinheiro. Portanto, evite deixar os presentes para a última hora, quando suas únicas opções podem ser ir ao shopping e gastar mais dinheiro para comprar a única opção disponível no momento.

A Localcred se preocupa com seu futuro, por isso, oferecemos dicas financeiras com o intuito de ajudar Sempre Mais neste final de ano.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: